Ranqueamento simples e com condicional

Criar um ranking, ou fazer um ranqueamento dos dados é muitas vezes importante para definir quem é o melhor ou pior em um conjunto de números. E aqui você vai aprender a fazer um ranqueamento simples e o ranqueamento com condicional.

O vídeo abaixo explica tudo, mas se não quiser assistir, mais abaixo tem as explicações detalhadas.

Coloque o vídeo em tela cheia para assistir normalmente


Ranqueamento simples de dados no Excel

O Excel possui uma função própria para a criação de rankings, e aqui está ela.

=ORDEM.EQ(núm; ref; [ordem])

Onde:

núm = O valor que queremos determinar a posição dentro do ranking.

ref = O conjunto de valores que serão avaliados para elaboração do ranking. O núm deve estar dentro deste conjunto também.

[ordem] = Um argumento que pode ser igual a 0 ou 1 e determina se o ranking é crescente ou decrescente.

A imagem abaixo mostra uma tabela de dados e o ranking deste. Na barra de fórmulas é possível verificar a função escrita na célula D3.

Ranqueamento (3)


Ranqueamento  de dados com uma condicional no Excel

Para este caso não existe uma função pronta que resolva o problema, e por isso utilizaremos a função SOMARPRODUTO como quebra-galho.

Usando como base a tabela da imagem abaixo, queremos agora não só definir o ranking entre o números de maneira geral, mas levar em consideração a fruta nesse cálculo de ranking.

Ranqueamento (2)

De forma que o nosso ranking nos informe qual o melhor (maior número) quando estamos falando exclusivamente de maçãs, e qual o melhor quando falamos exclusivamente de laranjas.

A fórmula contida na célula E3 é a seguinte:

=1+SOMARPRODUTO(($C$3:$C$14=C3)*($D$3:$D$14>D3))

Onde:

($C$3:$C$14=C3) = O pedaço da fórmula que irá verificar a condicional, ou seja, as frutas.

($D$3:$D$14>D3) = O pedaço da fórmula que irá elaborar o ranking, e portanto, olha para os números.

O sinal > visto no segundo trecho da fórmula indica que queremos um ranking decrescente. Caso quiséssemos o contrário, era só inverter o sinal.

Como funciona

Ambos os trechos da fórmula irão retornar uma matriz do tipo {VERDADEIRO; FALSO; FALSO; VERDADEIRO}, sempre que o critério analisado para cada uma das células do intervalo selecionado estiver correto, retornará VERDADEIRO, caso contrário retornará FALSO.
Então estas duas matrizes são multiplicadas, sim, são multiplicadas as palavras VERDADEIRO e FALSO. O resultado que estiver na primeira posição da 1º matriz será multiplicado pelo resultado que estiver na primeira posição da 2º matriz, e assim por diante.
Essa matemática funciona porque VERDADEIRO = 1 e FALSO = 0. Você pode até fazer o teste aí no seu Excel, multiplique qualquer número por VERDADEIRO ou por FALSO e verá.

Digamos então que as nossas matrizes sejam:

{VERDADEIRO; FALSO; FALSO; VERDADEIRO}

{FALSO; VERDADEIRO; FALSO; VERDADEIRO}

O resultado da multiplicação das duas seria a seguinte matriz:

{0; 0; 0; 1}

Depois de obtida essa matriz a função SOMARPRODUTO soma todos os valores da matriz resultante, neste exemplo o resultado é 1. E por fim, este resultado é somado com o número 1 que está fora da função SOMARPRODUTO, então neste exemplo o resultado final seria 2.


Ranqueamento de dados com múltiplas condições no Excel

Caso precise utilizar mais de uma condicional no seu ranqueamento basta seguir a mesma lógica mostrada anteriormente e adicionar mais intervalos de condicionais, por exemplo:

=1+SOMARPRODUTO(($A$3:$A$14=C3)($C$3:$C$14=C3)($D$3:$D$14>D3))

Onde:

($A$3:$A$14=C3) = Para a 1ª condicional.

($C$3:$C$14=C3) = Para a 2ª condicional.

($D$3:$D$14>D3) = Para intervalo de números avaliados.


Acompanhe o Função Excel
facebook-logo youtube-logo googleplus-logo twitter-logo

2 comentários em “Ranqueamento simples e com condicional”

Deixe um comentário ou uma dúvida